Quem Somos Produtos Locação Orçamento Contato
 
Pra Você
» Artigos
» Dicas de Leitura
» Dicas Úteis
» Links Úteis
 
 
 
 
 
 
 

Pra Você :: Artigos

» Administrando a Crise

Artigo enfocando a crise econômica que assola a Europa e a América do Norte, gerando um clima de apreensão e de ansiedade. É abordado ainda a situação dos países em desenvolvimento, como o Brasil, e o papel do administrador para gerir as soluções necessárias para as nações superarem este momento.

Por Kleber Cavalcante de Sousa

A crise enfrentada pelos países membros da União Europeia e as suas consequências para a economia mundial está na pauta das discussões dos principais economistas do mundo contemporâneo. Recentemente a presidente do FMI – Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde advertiu que nenhuma nação está imune a esta crise, e é preciso que os bancos centrais dos países se comprometam com a austeridade para vencer este momento de risco para a economia mundial. Austeridade esta, que será implementada a um custo alto para a população europeia. A onda de pessimismo com relação ao atual momento em que o continente Europeu vive preocupa a todos.

A criação da zona do EURO – grupo de países que adota o EURO como moeda comum – cuja finalidade era formar um grande bloco, sem barreiras econômicas e que favorecesse ao livre comércio, vive um momento de certa instabilidade, em que alguns países membros já começam a contestar a permanência no grupo. Os PIGS – sigla em inglês, para designar – PORTUGAL, IRLANDA, GRÉCIA e ESPANHA, países europeus que continuam com problemas fiscais e novas medidas devem ser tomadas pelas autoridades europeias. Com isso, começam a aparecer os boatos de que a Grécia poderia ser excluída do euro, o que seria péssimo para todo o continente. Muito provavelmente a Alemanha, que continua crescendo apesar dos pesares, não deixará isso acontecer, mas qualquer notícia pode provocar solavancos na economia global. Ações coordenadas visando reverter esse quadro econômico têm sido tomadas pelos países membros, espera-se que surtam o efeito desejado. É inegável que o mundo passa por transformações profundas, e que geram instabilidade e insegurança a todos. Aliado ao problema de crédito no mundo desenvolvido, temos um crescimento acelerado da china, e um considerável aumento do consumo e da melhoria de condições dos países emergentes, que com as políticas de geração de renda e emprego tem melhorado as condições de sua população que aumentam os seus gastos em alimentação, vestuário, saúde, educação, lazer, segurança, transporte, etc. A economia Americana demonstra uma tímida geração de empregos, isto em decorrência de empresas que voltaram a produzir nos EUA, em razão do aumento dos salários da china.

A economia brasileira vive um momento de estabilidade e de grandes possibilidades, entretanto é preciso ter consciência que também está sujeita as conseqüências dos problemas decorrentes da crise econômica dos países desenvolvidos. E conforme a presidente Dilma Rousseff disse recentemente que a crise internacional precisa ser vista como uma oportunidade de acelerar o crescimento do país. Enaltecendo que observa na crise uma possibilidade de acelerar o nosso crescimento, destacando a expansão da economia brasileira e as riquezas naturais de um país de dimensões continentais, além de possuir uma população significativa que tem uma grande demanda reprimida.

Acredito que este é um excelente momento para que nossas organizações, públicas e privadas, invistam maciçamente nas pessoas, desde a seleção adequada, até a capacitação e desenvolvimento de lideranças. Nunca foi tão importante ter as pessoas certas e capazes para o desempenho de suas funções. Nossas organizações precisam ser cada vez mais profissionais, sendo capazes de transformar em oportunidades estes grandes desafios e problemas que surgem no dia a dia.

Neste cenário mundial uma das carreiras que muito tem se valorizado é a do administrador, um generalista por natureza, mas que tem capacidade de se especializar em qualquer assunto, e age sempre em busca de resultados. O administrador é o catalizador das mudanças e das ações que são necessárias nas organizações. Não é a toa que Administração é o maio curso de graduação do Ensino Superior Brasileiro. A administração tem ganhado destaque no mundo moderno e contemporâneo, visto que cada vez mais as organizações precisam de pessoas capazes de implantar mudanças e criar novas metodologias, envolver pessoas, gerenciar conflitos e serem os líderes da transformação que nosso mundo precisa.

Um profissional que é capaz de criar novos cenários e que tem visão para implantar novos projetos. Peter Drucker, considerado o pai da administração moderna afirma que "A melhor maneira de predizer o futuro é criá-lo". Segundo Stephen Kanitz, em 2011, teremos 2 milhões de administradores formados, e se cada um empregar vinte pessoas haverá 40 milhões de empregos novos. Será o fim da exclusão social. Este é o profissional que as organizações precisam valorizar e contratar para vencer esses grandes desafios do mundo atual.


Fonte: Administradores.com.br
Link:
  http://www.administradores.com.br/informe-se/artigos/administrando-a-crise/60541/
[Voltar ao menu]
 
Empresa | Produtos | Pra Você | Atendimento | Home

Desde 1996® La Beauty Cosméticos
|
todos os direitos reservados | política de privacidade